Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Conheça a Política de Cookies.
Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

  • '
    '

    Acpp

    Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal

  • '
    '

    Desde 1977

    Representa os Profissionais Portugueses de Cozinha e Pastelaria

  • '
    '

    Formação Profissional Certificada

    Escola Cozinha e Pastelaria

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Maria da Assunção Gonçalves Rodrigues
Covilhã/Ferro

1 Kg de pão de trigo de 1ª
1 Ramo de salsa migada
2 Cebolas médias
4 Laranjas
250g de cominhos
2 Colheres de sopa de vinagre e sal
Orégãos torrados e reduzidos a pó

Migam-se gorduras de porco com uma tesoura, de modo a ficarem muito fininhas, para um alguidar. Miga-se também muita salsa fininha, mistura-se-lhe o sangue de porco (onde se deitou vinagre para não empastar), sal, vinho tinto, colorau, pimenta e bastante sumo de laranja, tudo a gosto.
Pode-se-lhe acrescentar miolo de pão ou até arroz cru. Com pão ou arroz não ficam tão enjoativas. Depois de bem lavadas e desinfetadas com aguardente e sumo de laranja, as tripas largas enchem-se com esta massa de porco.
Antes de se encher as tripas, pode-se cozer um pouco de massa num tachinho, para experimentar se está boa. As tripas não devem ficar muito cheias para não rebentarem, ao cozer em água, na caldeira. Só se deitam as morcelas quando a água ferve.
A caldeira não se pode tapar. Mexem-se as morcelas cuidadosamente com uma colher de pau grande. Experimentam-se, picando-as com uma agulha (grossa) de meia. Se deitarem sangue, continuam a ferver. Logo que deixam de deitar molho, tiram-se, pois se fervem tempo demasiado, também podem rebentar.
Põem-se a secar penduradas em varas ao longo de uns dois dias. Querendo-se conservar por algum tempo, metem-se em azeite.

 

MLM

Tagged Under

Visitantes

Temos 160 visitantes e 0 membros em linha

Morada

Morada: Rua de Sant`Ana à Lapa,
nº 71 C, 1200 - 798 Lisboa.
Telefone: +351 21 362 27 05
Fax: +351 21 362 58 15

Mail / Sites

Geral: acpp@acpp.pt 
Formação: formacao@acpp.pt  
Marketing: marketing@acpp.pt
Site: http://www.acpp.pt
Formação: http://www.acpp.com.pt