Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Conheça a Política de Cookies.
Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

Imprimir
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

MARIA BENEDITA TAVARES MANSO
CASTELO DE VIDE

Este prato regional, era muito usado nos jantares de casamentos da gente do povo e era servido em tabuleiros de barro vidrado.

Coze-se a galinha com um bocado de toucinho, no caldo que já foi coado pelo passador de rede, põe-se arroz que ficará bem cozido, mas não muito seco. No tabuleiro põe-se uma camada de arroz e por cima a carne aos bocadinhos, tiras de toucinho e ainda quem queira, umas rodelas de chouriço que foi previamente cozido.
Tapa-se com o resto do arroz, que depois de ajeitado, será pincelado com gema de ovo. Vai ao forno para tostar (daqui lhe vem o nome) e em seguida serve-se com salada de alface.


*Faz-se também aqui em Évora e Alcáçovas, as pessoas mais abastadas, fazem-no frequentemente e os menos fazem-no em dia de casamento.
Também se serve com salada de alface, mas chama-se arroz corado aqui.

 

MLM

Tagged Under